Planos de saúde por idadePlanos de saúde por idade


Seu plano de saúde conforme a sua faixa etária
Os planos de saúde são categorizados em grupos etários e cada faixa corresponde a um valor diferenciado

Saiba quanto custa um plano de saúde para sua idade

Você já se perguntou como funciona a segmentação dos planos de saúde por idade, a qual grupo você pertence ou de quanto em quanto tempo o seu serviço sofrerá reajuste? Tudo bem, nós vamos explicar isso para você.

ANS

Primeiramente, a possibilidade de que sejam cobrados valores proporcionais a idade é regularizada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). O princípio se baseia na ideia de que, caso houvesse uma padronização dos preços, os grupos de menor risco, ou os mais jovens, seriam prejudicados. Isto porque estes pagariam mais, ao mesmo tempo consumiriam pouco do serviço.
Por isto, pratica-se esta metodologia de grupos, em busca de um equilíbrio financeiro. Segundo ela, quando um beneficiário muda de faixa etária, subindo dentro da escala de faixa de risco, seu custo sofre reajuste. Este referente ao valor das consultas, das cirurgias, das possíveis internações e o que mais estiver previsto na cobertura do plano.

Como funciona a segmentação dos planos de saúde por idade

Os grupos etários são previstos pela legislação que regulamenta os planos de saúde por idade no país e dividem-se assim:

  • 0 (zero) a 18 (dezoito) anos;
  • 19 (dezenove) a 23 (vinte e três) anos;
  • 24 (vinte e quatro) a 28 (vinte e oito) anos;
  • 29 (vinte e nove) a 33 (trinta e três) anos;
  • 34 (trinta e quatro) a 38 (trinta e oito) anos;
  • 39 (trinta e nove) a 43 (quarenta e três) anos;
  • 44 (quarenta e quatro) a 48 (quarenta e oito) anos;
  • 49 (quarenta e nove) a 53 (cinquenta e três) anos;
  • 54 (cinquenta e quatro) a 58 (cinquenta e oito) anos;
  • 59 (cinquenta e nove) anos ou mais.”

E os reajustes dos planos de saúde por idade

Bem, é com base na sua transição por estes grupos que os reajustes serão calculados. Mas, existem alguns detalhes que são importantes você estar atento. Como, por exemplo, não esquecer que existem outros três fatores que alteram os preços pagos por você, como o reajuste anual, o por sinistralidade e o aplicado pelas operadoras de saúde.

Planos antigos

Existe também uma regra aplicada aos planos assinados entre os anos de 1999 e 2004, onde diz que o preço da última faixa etária, neste caso de 70 anos ou mais, poderá ser, no máximo, seis vezes maior que o preço da primeira faixa, de 0 a 17 anos. Já aqueles consumidores que tenham 60 anos ou mais e que estejam com o contrato em vigor há mais de dez anos não podem sofrer qualquer tipo de variação nos valores por mudança de faixa etária.

Planos mais novos

Para aqueles planos assinados a partir de 2004 foi criada a determinação de que os valores fixados para a última faixa etária, aqui já de 59 anos ou mais não pode ser superior a seis vezes o valor da primeira faixa, de 0 a 18 anos. Na mesma resolução consta que a variação acumulada entre a sétima e a décima faixa não pode ser maior do que a variação acumulada entre a primeira e a sétima.

Planos de saúde para empresas

É importante ressaltar que, em caso do seu plano ser coletivo, no caso contratado por uma pessoa jurídica, os reajustes não são regulamentados através da ANS. Neste caso, a agência apenas monitora a oscilação dos preços, que devem ser negociados entre as partes envolvidas. É preciso também verificar regularmente junto a empresa contratante do plano de saúde qual é o número de pessoas beneficiadas no acordo coletivo e que constem no contrato com a operadora. Isto irá influenciar diretamente no valor de reajuste a ser aplicado e você poderá calcular a porcentagem.

Veja as tabelas dos planos de saúde por idade 

Tabelas do plano individual

Tabelas do plano familiar

Tabelas do plano para empresas